A arte do ceramista Jorge Colaço e os azulejos portugueses

Salut! Como vocês estão essa semana? Como sabem, minhas viagens são uma forma de conhecer a arte por diversos lugares pelo mundo, além de ter inspiração para minhas próprias obras. Após a minha viagem pela Espanha, fazendo a Caminhada de Santiago de Compostela, estou em Portugal, onde já visitei locais belíssimos na cidade de Porto. Passando pela estação São Bento, grandes painéis de azulejo me chamaram a atenção. Eles são trabalhos do artista português Jorge Colaço e por isso resolvi trazer esse tema para nossa conversa de hoje.

paineis-azulejo
Fiquei encantada com esses paineis (Foto: Acervo pessoal)

Jorge Colaço foi um ceramista nascido em 1868 no Consulado de Portugal em Tânger, Marrocos. Filho de José Manuel Colaço, ministro em Marrocos, ele estudou arte em Lisboa, Madrid e Paris, onde permaneceu por seis anos e foi caricaturista do jornal Le Figaro. Apesar de ser conhecido pelo seu trabalho como ceramista, sua arte passou pelo desenho, decoração de interiores, caricatura e pintura.

gina-estacao-sao-bento
Na estação São Bento, em Porto (Foto: Acervo pessoal)

Seus conhecidos painéis em azulejo são caracterizados pelas cores azul e branco, com pinturas que impressionam pela delicadeza das figuras. Na estação São Bento estão presentes painéis que retratam cenas históricas. O átrio da estação é coberto por milhares de azulejos. O sucesso do artista com essa técnica também se explica pelo gosto já conhecido dos portugueses por azulejos, por isso muitos de nós lembramos deles quando ouvimos falar sobre a arte de Portugal.

Os azulejos são uma forma tradicional de dar vida a obras arquitetônicas. A princípio, eram usados por conta do seu baixo custo e praticidade. Em Portugal, são amplamente utilizados, sendo uma das características mais fortes da arte e da arquitetura do país.

capela-das-almas
A Capela das Almas é revestida em azulejos de autoria de Eduardo Leite (Foto: Acervo pessoal)

Jorge Colaço é um artista extremamente aclamado em Portugal. Ano passado foram comemorados os 150 anos de seu nascimento com atividades durante todo o ano. A pesquisadora Cláudia Emanuel, estuda a vida e obra do artista, afirma que são mais de mil painéis de Jorge Colaço espalhados pelo país e que eles estão presentes em todos os distritos de Portugal. Minha dica é aproveitar para tirar uma foto em frente aos painéis do artista na estação São Bento, em Porto, como eu fiz. De qualquer forma, azulejos em geral são encontrados por toda a arquitetura de Portugal, com autoria de várias pessoas, não importa em que cidade você for!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *